Como entender que é hora de mudar?

531

Planejar mudanças é uma ótima forma de tomar coragem de tomar novos rumos

Mudança é natural e faz parte da vida de todos. Algumas mudanças podem ser planejadas e outras, na verdade, acontecem sem escolha. Faz parte do movimento natural da vida de todos passar por períodos que vão se alterando com o tempo. Um exemplo disso é o periodo escolar, divididos por séries (a cada ano) e depois a saída da escolar para a faculdade e/ou trabalho. Ainda sim, no trabalho, é comum que as pessoas fiquem por alguns anos em um mesmo lugar e depois mudem par novas empresas. Há quem mude, inclusive, de atividade ao longo da carreira. Ou mesmo aqueles que executam mais de uma atividade, mudando constantemente de ação.
Entretanto, existem pessoas que hesitam mais do que outras em fazer mudanças de planos em sua vida. Há quem se acomode, e por fim, não queira sair do seu “quadrado”, do que já é certo e sabido. Alguns dizem estar bem na sua zona de conforto. Na verdade, para mudar é preciso ter muita energia e disposição. As razões mais comuns para não querer mudar ou mesmo escolher adiar ao máximo essa nova fase é pela falta de planejamento, medo do novo, e incerteza do sucesso na nova etapa de vida. Toda alteração obriga atenção e dedicação para se adaptar. Nem sempre as pessoas estão prontas para isso. E nem sempre é fácil ter confiança em si que se pode ser capaz de avançar e manter o sucesso que já se tem. Quem não está centrado e pronto para o novo terá, com certeza, dificuldade de adaptação.

No entanto, ficar parado sem avanço e aprendizado não é saudável para ninguém. O movimento de superação é sempre desafiador e ao mesmo tempo estimulante. Faz bem a cabeça e nos mantém vivos. Então, como perceber que é hora de mudar de estratégia? Como saber a hora certa de realizar uma grande mudança, seja na carreira, seja na vida amorosa, seja em qualquer outra área? Segue alguns possíveis momentos:

• Quando temos sonhos maiores do que nossa realidade atual;
• Quando se pode mais do que se tem;
• Quando se percebe entediado com a sensação de pouca novidade e poucos estímulos de aprendizado e superação.

A mudança é ótima para estimular a capacidade de adaptação. Quem melhor se adapta as mudanças tem mais flexibilidade para lidar com problemas, tende a ter menos estresse e ser mais ágil na tomada de decisão e capacidade de autoproteção. Viver é se equilibrar sempre. A rotina é excelente até certo ponto, pois quem faz tudo igual não é capaz de estimular a criatividade, nem mesmo superar a si próprio com leveza.

É bem importante para quem quer mudar, tomar algumas atitudes importantes. Lembre-se de estar pronto para tomar as decisões certas para que o processo aconteça. Para que a mudança se torne mais fácil de ser praticada é interessante ter algumas atitudes:

• Fazer uma lista de possibilidades de mudança e novos caminhos;
• Ter atenção para a compreensão das razoes que lhe motivam a mudar (o que exatamente esta lhe indicando esse ou aquele caminho novo, para que quer isso?);
• Pedir a observação de outras pessoas que mudaram e suas consequências. O que essa pessoa ganhou? O que ela perdeu? Afinal, mudar não é só ganhar, mas saber se é possível abrir mão do que se perde. Você está disposto a deixar para trás o que?
• Adaptar as histórias de sucesso observadas à sua vida e realidade pessoal. Como essas pessoas que você conhece se deram bem mudando e como você terá seu objetivo concretizado? Quais as diferenças que devem ser levadas em conta para isso?

Agora que você tem essas novas informações sobre mudança em mãos, planeje com atenção seus próximos passos e que suas escolhas sejam de sucesso!

Fonte: www.minhavida.com

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Informe seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.