EFICIÊNCIA: Princípio Physio Pilates/Polestar Pilates Internacional

1692

“O mínimo de esforço e o máximo de eficiência” ou “o tanto quanto necessário e o mínimo possível”, e mais “movimentos seguros, suaves e gentis” ou ainda “uma experiência positiva de movimento”, são depoimentos corriqueiros que ouço e que tem um efeito benéfico quando são introduzidas pela Physio Pilates/Polestar Pilates Internacional no pensamento de um instrutor em formação.

Tomando como base  de que cada pessoa tem  uma forma muito particular de sentir o movimento, devemos agir também de forma muito específica, dando a cada pessoa aquilo que ela tem condições de absorver sem provocar desconfortos ou medo de mover, e sem hiper valorizar ou subestimar essas sensações. Encontrar essa medida é um segredo que somente o exercício diário da prática do ensino pode nos dar.

Fazer uma progressão adequada para o corpo do cliente, desafiando-o gradativamente ao utilizar itens de modificação de exercício tão importantes  para cada estratégia corporal, são muitas vezes o que o indivíduo mais necessita para sentir que o corpo está se harmonizando. Isso não quer dizer que os exercícios tenham que ser lentos, e nem  rápidos , pequenos ou amplos. Mas, devem em um primeiro momento atender as necessidades mais básicas que o indivíduo precisa explorar naquele instante.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Informe seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.